A irritação

É engraçado como as pessoas se preocupam com você. Criticam, como se você estivesse fazendo alguma coisa de errado, até quando isso não acontece ou não afeta a vida delas, nem indiretamente. Falam tanto mal mas são incapazes de te deixar quieto, “na sua”.

Se gosta de escrever, te chamam de isso ou aquilo. Se gosta de ler, a mesma coisa. Dizem que é você é um alienado ou coisa do tipo. Mas e elas? Bom, eu não quero saber o que elas fazem.

Nada disso me importa. Não mudarei porque elas fazem ou não determinadas coisas que não me dizem respeito.

Essa é a tal da liberdade, que tanto pregam por aí.

E se um dia se importaram com meus textos sem motivo, agora lhes dou um: esse é pra vocês!

Um grande abraço, apertado e por trás, para que você sinta a minha presença.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s